CÂMARA MUNICIPAL DE Iomere - SC

O presidente da Câmara, vereador Márcio Santini comandou na noite de terça-feira (29) mais uma sessão ordinária do Poder Legislativo de Iomerê. Na ocasião os parlamentares aprovaram dois projetos de lei de origem do Executivo, um requerimento, uma indicação e dois pedidos de licença. A indicação apresentada e aprovada é de autoria dos nove vereadores e solicita a intervenção do município para a instalação de uma lombada eletrônica em frente a empresa Frutos da Terra, na SC 355, na saída para Videira. Segundo os parlamentares o pedido atende reivindicação da comunidade que tem presenciado várias infrações, como o desvio da lombada física pelo pátio da empresa, o que coloca a vida de moradores e pedestres em risco, situação que seria minimizada com a instalação do equipamento.

Já em primeiro turno, os vereadores também aprovaram o Projeto de Lei nº 886 que versa sobre o Plano Plurianual para o exercício de 2018 a 2021 e o Projeto de Lei nº 892 que autoriza o município de Iomerê a receber em doação de Jaime e Leonice Buffon, uma área de terra de 25 metros quadrados onde será perfurado um poço artesiano para atendimento de famílias das comunidades de Linha Caravagio e Linha Santo Izidoro. Os dois projetos de lei voltam a ser votados em segundo turno, em sessão extraordinária na próxima quinta-feira, dia 31, as 18h45.

Os outros dois requerimentos aprovados se referem ao pedido de licença, durante o mês de setembro, dos vereadores Sirlei Munaro (PSD) e Alzemiro Mafioletti (PMDB). No lugar deles serão convocados os vereadores suplentes Joelar Cividini (PSDB) e Leonor Cossul (PMDB).

Lauermann solicita esclarecimentos à Celesc

Durante sessão realizada na noite de terça-feira (29), na Câmara de Vereadores de Iomerê, o vereador Rudinei Lauermann (PMDB) apresentou um requerimento solicitando à Celesc esclarecimentos sobre a constante oscilação de energia elétrica nas Linhas São Roque, Bridi e Pasqual. Segundo ele, a constante falta de energia provoca grandes prejuízos aos agricultores, quer seja nas granjas de suínos ou aves, ou no armazenamento do leite produzido nas três comunidades.

O vereador destaca que no ano passado acompanhou uma audiência pública, na cidade de Treze Tílias, realizada pela UVEMOC, com a presença do CONCEL e da CELESC, quando muitos desses assuntos foram trazidos ao debate, o que demonstra que o problema não é recente. Solicito informações na busca de soluções, pois as causas acreditamos que esteja na vegetação próxima a rede, nas aves que fazem seus ninhos próximo a ela, ou até mesmo falta de investimento e manutenção por parte da CELESC.

Sessão 29-08

Silvia Palma

Assessoria de Imprensa

98404-4234

Publicado em: 31/08/2017
Acessos: 61
Publicado por: Mayara Munaro
Facebook Twitter Google+ Addthis